Malhação do Judas

Sem querer entrar no mérito de defender ou não o voto, mas fazendo uma crítica ao comportamento de espancar bonecos de políticos durante o feriado cristão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *